A Princesa do Reino de Saskia

Reino Mágico

Não me lembro de ser criança. Procuro nos meandros da minha memória, buscando alguma recordação entre as circunvalações do meu cérebro, mas as minhas lembranças são sempre as mesmas. As festas, os bailes, a minha irmã. As festas, os bailes, mais uma vez a minha irmã. Por vezes, os meus pais. Mas eles não são mesmo os meus pais. Ela não é mesmo a minha irmã mais velha. Mas não me lembro de nada antes disso. Alguma coisa impede a minha memória. Quem seria a minha verdadeira família?

A Ilha Maravilhosa

A Ilha Maravilhosa

Sou uma criança e depois de ir aos concertos vi-me a brincar na ilha maravilhosa. A ilha não se chama assim, mas é o nome que lhe dou porque ela é, realmente, uma maravilha. Da entrada da ilha, no topo da montanha, desço por escadas de pedra negra, entalhadas na floresta, até chegar a grutas cheias de esconderijos, rodeadas por flora exuberante, verdejante, tudo é verde e tudo é azul porque a floresta se une ao mar.